O reforço de aço em estruturas de concreto



O aço pode ser um material caro, mas sua alta resistência o torna uma das partes mais importantes da construção de uma estrutura de concreto considerável atualmente. O ferro fundido era o material utilizado porque, antes disso, o ferro fundido era de alta qualidade e não era propenso a corrosão.

O aço passou a ser considerado um material melhor para reforçar estruturas de concreto. Embora tenha sido extinto desde a década de 1960 ainda é considerado o material mais utilizado para reforçar estruturas de concreto.

Quando o concreto e o aço são combinados, eles produzem um concreto de reforço sólido.

Ao pensar em durabilidade em uma estrutura de concreto, os engenheiros consideram o uso de reforço com características e qualidade apropriadas.

A caracterização do vergalhão de aço os torna os materiais ideais para obter uma sólida estrutura com força e durabilidade.

Na estrutura de concreto pré-tensionado, a barra de aço é tensionada antes de sujeitar a estrutura a carga, sendo vista como um reforço ativo. O aço passivo reforçado deve ser forte em tensão e ao mesmo tempo ser dúctil o suficiente para ser dobrado; portanto, qualquer projeto que uma empresa de construção queira é possível.

O concreto tem baixa resistência à tração, ou seja, pode quebrar com facilidade quando está sob forte tensão. Essa é provavelmente a razão número um pela qual deve ser reforçada com materiais de alta resistência. O concreto tem alta resistência à compressão, mas praticamente nenhuma resistência à tração. Para compensar esse desequilíbrio, o aço de reforço é fundido para suportar as cargas de tração.

Geralmente, o reforço de aço fornece à estrutura de concreto a estabilidade necessária. No entanto, tem seu conjunto de inconvenientes, como a corrosão quando exposto ao sal, mas fornece a resistência e a durabilidade necessárias em uma estrutura de concreto.

Posts em destaque
Posts recentes
Arquivo
Procurar por tags