O que é Muro de Arrimo


O muro de arrimo é uma estrutura corrida que tem a função de conter uma parede vertical ou semi vertical. Para isso, ambas ficam apoiadas em uma fundação, que pode ser profunda ou rasa. Sua função principal é estabilizar algum talude, localizado em beiras de cursos d’água, encostas recortadas para a construção de estradas, cavas de mineração, entre outras aplicações. Para construir um muro de arrimo, pode ser utilizado o concreto (armado ou simples), alvenaria (tijolo ou pedra) ou elementos especiais (terra, madeira, entre outros). No caso da abertura de valas para a implantação de metrôs, ou definitivos, como para a contenção de margens degradadas de cursos d’água, pode-se construir muros de arrimo.

Tipos de Muros de Arrimo

1. Muros de arrimo por gravidade

As estruturas de contenção baseadas no princípio da gravidade são estruturas corridas (muros) construídas para se opor aos empuxos horizontais por meio do seu próprio peso. Esses muros podem ser feitos de alvenaria de pedra, concreto simples ou armado, pneus usados, sacos de solo-cimento, em fogueira (“cribwalls”) ou gabiões.

Muros de arrimo por flexão

As estruturas de contenção de taludes baseadas em flexão são mais esbeltas. Seu formato em “L” resiste aos empuxos por flexão. Para se manter em equilíbrio, utiliza o próprio peso do maciço apoiado sobre a base do “L”.

Costumam ser construídos de concreto armado, o que torna a obra muito cara no caso de muros maiores de 5 a 7 metros. Dependendo do caso, os muros de flexão podem ser ancorados na base com tirantes ou chumbadores para melhorar sua estabilidade.

Assim, os muros de arrimo são estruturas de contenção de encostas (taludes) cujo tipo varia em função de sua aplicação. Os muros de gabião têm a vantagem da flexibilidade e permeabilidade. Por sua versatilidade, são bastante usados em obras de drenagem.

#MurodeArrimo

Posts em destaque
Posts recentes
Arquivo
Procurar por tags