Materiais ecológicos para utilizar nas obras


materiais ecológicos

A sustentabilidade é uma realidade na construção civil e é importante que materiais ecológicos sejam empregados em todas as obras. Muitas vezes a utilização de materiais ecológicos pode deixar a sua obra mais econômica.

Conheça alguns materiais ecológicos que você pode usar na sua obra!

Bambu:

Material muito utilizado no continente Asiático, o bambu está sendo bastante usado também no Brasil. Além de leves e flexíveis, também são resistentes e duram bastante. Pode ser utilizado como estrutura, pois tem boa capacidade de resistir à compressão, como também para decoração de ambientes.

Tijolos ecológicos:

Os tijolos ecológicos são feitos de mistura de solo, cimento e água. Na produção não há queima e evitando o desmatamento e a emissão de gases poluentes para a atmosfera. Podem ser feitos tijolos de blocos modulares e de encaixe, evitando desperdício, sendo usado tanto como elemento de vedação, como para aplicação estrutural.

Além disso, os tijolos ecológicos garantem uma maior produtividade, demandando menos mão de obra e menor uso de materiais como: aço, cimento e madeira.

Aço para Protensão:

Os aços para protensão normalmente são empregados em viadutos, contenção de taludes, pisos de garagem de shoppings centers, entre outros. O funcionamento se dá por meio de uma pré-tensão de tração nas cordoalhas de aço, próprias para este fim, com a posterior concretagem. Após a cura do concreto, a tensão aplicada no aço é transferida para a estrutura de concreto, fazendo com que o aço volte para a sua posição original, e comprimindo o concreto.

Utilizando o sistema de concreto protendido, que suporta uma maior carga, reduz-se consideravelmente a quantidade de concreto e aço empregados na obra, e diminui a fissuração das estruturas, se em comparação a uma estrutura de concreto armado convencional.

Pisos e pavimentos recicláveis:

Os cacos de vidro, louças e cerâmicas quebradas, pneus, entulhos de construção, entre diversos outros produtos, estão sendo usados como matéria-prima em pisos e pavimentos. A vantagem é que se pode aproveitar materiais que antes seriam descartados, para criar pisos que conseguem até ser mais resistentes à deformação e impactos do que um piso semelhante convencional. Como por exemplo, o pavimento asfáltico com adição de borracha de pneu triturada, que consegue dar ao asfalto uma maior característica elástica, aderência e durabilidade.

Lâmpadas em LED:

A lâmpada de LED, que está sendo empregada até mesmo em automóveis, garante uma economia de energia ainda maior do que as lâmpadas fluorescentes. A durabilidade é superior. Apesar do custo ser maior, a médio e longo prazo, garante economia de energia bem como maior vida útil das lâmpadas.

Telhado verde:

O telhado verde é feito com uma camada vegetal assentada sobre a laje do edifício previamente impermeabilizada. No telhado pode-se plantar gramas e hortaliças, desde que seja feita uma consulta prévia a um engenheiro civil.

Além de ficar bonito, o telhado verde retém a água de chuva, retardando o seu escoamento, o que ajuda na drenagem urbana, além de absorver o CO2 e outros gases da atmosfera para o crescimento da vegetação. Um ótimo isolante termo acústico, mantendo o ambiente interno da edificação mais fresco e diminuindo a necessidade do uso de ventiladores e ar-condicionado.

O que você acha das alternativas de materiais ecológicos?

#materiaisecológicos #AçoparaProtensão #Pisosepavimentosrecicláveis #Bambu #Telhadoverde #LâmpadasemLED

Posts em destaque
Posts recentes
Arquivo
Procurar por tags